Carta de amor é publicada por engano no Diário Oficial da Justiça do Trabalho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

1 de março de 2012

Brasil

Uma carta de amor foi parar no Diário Oficial do Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região, que tem sua sede localizada na Paraíba.[1][2][3]

O Presidente do TRT, Desembargador Paulo Maia Filho, também decidiu pela imediata abertura de processo administrativo disciplinar para a apuração da ocorrência pela Comissão Permanente de Processo Administrativo Disciplinar do TRT.[4][5] A carta faz referência a vida pessoal de uma servidora, que assina a publicação como Marta.[6] Após o problema, ela pediu exoneração do cargo e o pedido foi atendido pela presidência.[7][8]

Referências[editar]

  1. 'Carta de amor' vai parar no Diário Oficial
  2. 'Carta de amor' vai parar no Diário da Justiça do Trabalho da Paraíba
  3. VIDEO: Jornal Hoje repercute carta de amor publicada no site do TRT. Assista!, Diamante Online
  4. Servidora que escreveu carta amorosa publicada no Diário Oficial é exonerada e responde processo; leia
  5. Carta de amor é publicada no Diário Oficial da Justiça do Trabalho
  6. Carta de amor é publicada por engano no Diário da Justiça do Trabalho
  7. Carta de amor é publicada no Diário da Justiça do Trabalho da Paraíba
  8. Carta de amor vai parar no Diário Oficial na Paraíba, com vídeo

Ligações externas[editar]

Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati