Austrália vai evacuar milhares enquanto Sydney enfrenta as piores enchentes em 60 anos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

22 de março de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Os serviços de emergência da Austrália devem evacuar milhares de pessoas de áreas inundadas de Sydney, na pior enchente que a cidade já viu em 60 anos, com previsão de outro dia de chuva torrencial.

As chuvas dos últimos dias aumentaram o volume dos rios no estado mais populoso da Austrália, Nova Gales do Sul (New South Wales- NSW), causando danos generalizados, com alagamentos de casas, fazendas, estradas e pontes. Um alerta de inundação severa foi emitido para grandes partes de NSW, bem como para o estado vizinho de Queensland.

Sydney, por exemplo, teve ontem o dia mais chuvoso do ano, com quase 111mm (4,4 polegadas) de precipitação, enquanto algumas regiões da costa norte de NSW receberam quase 900 mm (35 polegadas) de chuva na última semanas, mais de três vezes a média para o mês de março.

"Estas são tempestades e inundações muito, muito sérias e muito severas (...) e é um momento muito desafiador", disse o primeiro-ministro Scott Morrison hoje.

O governo australiano lançou um pacote econômico de ajuda para quem for afetado pelo desastre.

Alerta de tempo severo

O Serviço de Meteorologia da Austrália emitiu alertas de tempo severo, o último às 22h56min (em horário local), para a atuação de um forte sistema de alta pressão no sul que está se juntando a um sistema de baixa pressão no oeste. Os sistemas deixarão toda área centro-leste do país com chuvas, que serão ainda mais fortes na costa leste de NSW.

A previsão é de que as condições só comecem a melhorar na quarta-feira nos estados mais atingidos.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit