Angola: "Não sou bandido", diz Kangamba que afirma não ter nada para esconder

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

O general angolano refuta as acusações veiculadas pela imprensa em Portugal e reitera que pretende-se apenas atacar o Presidente da República.

26 de novembro de 2014

O General Bento dos Santos Kangamba diz estar disposto a ir a Portugal responder na Justiça caso for intimado o que nunca aconteceu e desmente todas as acusações vindas a público.

Em entrevista à VOA, Kangamba afirmou ter apenas uma casa e um apartamento em Portugal, onde tinha um milhão e 700 mil dólares guardados, o que não é crime.

O general explica a origem do seu dinheiro como empresário privado e reitera que não tem de dar explicações dos seus bens a ninguém por não nunca ter recebido nada do Estado.

"Kangamba é uma marca", reiterou o empresário que afirma não ter nada a esconder nem a justificar porque não recebe dinheiro do Estado. "Não sou bandido", afirma o general.

Notícia Relacionada

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati